Auditoria no Departamento Pessoal

É uma atividade especializada independente e de assessoramento da Diretoria, avaliando as operações realizadas, sua integridade, conferindo os sistemas estabelecidos visando assegurar a observância das políticas, metas, planos, procedimentos, leis, normas e regulamentos.


A auditoria trabalhista envolve ações que visam solucionar problemas ou preveni-los, a fim de evitar desde demandas judiciais e infrações, até divergências comportamentais dentro da organização, pois qualquer empresa deve ater-se aos pressupostos legais e contingências trabalhistas e previdenciárias.

Fraudes na área trabalhista

Pesquisa respondida por 805 empresas (industrial, comercial e prestação de serviços).

Cerca de 50% (409) delas já constataram terem sofrido problemas com fraudes ou erros na administração da área de Departamento de Pessoal, acumulando, ainda, problemas como o aumento excessivo dos encargos sociais (83%).

Dessas 409 empresas sofreram fraudes ou erros de administração, 44% ainda sofreram punições do Fisco, com autuações e multa.

*Fonte: CEPEX – Centro de Pesquisa Grupo Mission/Ber Consultoria

Objetivos da Auditoria Trabalhista

  • Revisar todos os procedimentos e documentos legais exigidos pelo Ministério do Trabalho e INSS;

  • Revisar e orientar os procedimentos de controles internos, relacionados a todas as rotinas do departamento pessoal;

Através das revisões, criar e orientar procedimentos, visando a minimização de riscos de multas e autuações do Ministério do Trabalho e outros órgãos competentes.

Benefícios da Auditoria Trabalhista

  • Minimização de riscos de multas;

  • Minimização de reclamatórias trabalhistas;

  • Evita furtos, desvios , pagamentos indevidos e outras irregularidades;

  • Diminuição de erros e prejuízos das rotinas auditadas;

  • Prevenção e melhoria da atividade de administração dos funcionários da empresa.

Etapas de Realização da Auditoria Trabalhista

  • Levantamento e análise física dos documentos;

  • Apuração de inconsistências de todas as rotinas;

  • Apresentação do relatório de auditoria, validando as atuais práticas e/ou recomendando melhorias nos processos.

Procedimentos que serão auditados na auditoria trabalhista

  • Inspeção e Fiscalização do Trabalho;

  • Acordos e convenções coletivas de trabalho;

  • Registro de empregados: ficha de registro, documentação pessoal, contrato de trabalho, acordos individuais, documentos de salário família, imposto renda, documentos de vale transporte e EPI;

  • Jornadas de trabalho e cartão ponto;

  • Verbas de proventos e descontos em folha de pagamento;

  • Processamento de férias e 13º salário;

  • Processamento de rescisões de contrato de trabalho;

  • Encargos Sociais;

  • Políticas de benefícios legais e espontâneos;

  • Ações trabalhistas;

  • Segurança e medicina no trabalho: CIPA, PPRA, PCMSO.